Ferramentas do usuário

Ferramentas do site


oracle_virtualbox

VirtualBox da Oracle

Aqui irei mostrar como facilmente se instala o VirtualBox da Oracle, que é uma versão comercial, porém livre para uso pessoal, também é mais completa, com a adição de packs externos, o VB tem as seguintes funcionalidades :

  • Possui um servidor RDP completo integrado, permitindo assim que usuários se conectarem com qualquer cliente RDP e rodar apenas um único aplicativo ou uma sessão inteira.
  • Suporte a USB (mesmo numa sessão interativa usando o RDP)
  • USB over RDP
  • iSCSI initiator


Adicionando repositórios para a Oracle

Para instalar o Oracle VirtualBox, precisamos adicionar o repositório para os aplicativos da Oracle, dê um ALT+F2 e execute :

  • Para o Gnome: gksudo gedit /etc/apt/sources.list.d/oracle_vb.list
  • Para o Kde: kdesudo kate /etc/apt/sources.list.d/oracle_vb.list

E copie e cole as duas linhas abaixo:

# Oracle VirtualBox – repositorio de programas

deb http://download.virtualbox.org/virtualbox/debian precise contrib

Dependendo da versão do seu Ubuntu Linux, o nome “oneric” deverá ser substituído pela versão correspondente ao seu sistema. Para ter uma relação dos repositórios correspondentes visite esta página

Salve o arquivo e feche o editor.

Abra o terminal e execute na linha de comando :

  wget -vc http://download.virtualbox.org/virtualbox/debian/oracle_vbox.asc

Espere finalizar o download e ainda no terminal:

  sudo apt-key add oracle_vbox.asc

E para recarregar a lista de pacotes:

  sudo apt-get  update

Tendo executado os comandos acima, o repositório conterá todos os programas do Oracle Virtualbox, porém note como há versões diferentes do VirtualBox, execute no terminal :

  apt-cache search virtualbox|grep virtualbox

Que lhe mostrará uma lista mais ou menos assim:

virtualbox-guest-additions – guest additions iso image for VirtualBox virtualbox-ose – x86 virtualization solution – base binaries virtualbox-ose-dbg – x86 virtualization solution – debugging symbols virtualbox-ose-dkms – solução de virtualização x86 – fontes do módulo do kernel para dkms virtualbox-ose-fuse – x86 virtualization solution – virtual filesystem virtualbox-ose-guest-dkms – x86 virtualization solution – guest addition module source for dkms virtualbox-ose-guest-utils – x86 virtualization solution – non-X11 guest utilities virtualbox-ose-guest-x11 – x86 virtualization solution – X11 guest utilities virtualbox-ose-qt – x86 virtualization solution – Qt based user interface virtualbox-4.2 – Oracle VM VirtualBox

Qual dos programas acima instalar ? Há duas edições do VirtualBox, a edição OpenSource chamada de virtualbox-ose mais informações aqui e a edição comercial chamada apenas de virtualbox-versao.

Instalando

Instalando a versão Oracle VirtualBox:

  sudo apt-get install -y virtualbox-4.2

E pronto, a versão escolhida será instalada.

Para usar o Oracle VirtualBox, vá no menu de seu sistema, geralmente em Aplicativos→Sistema→Oracle VM VirtualBox.

O grupo “VBOXUSERS”

Para usufruir do VirtualBox e de alguns de seus recursos é necessário que o usuário que for utiliza-lo esteja contido no grupo vboxusers, assim execute em seu terminal :

  sudo adduser seulogin vboxusers

Se você não fizer isso, alguns recursos como compartilhar a USB com o sistema anfitrião estarão comprometidos.

Instalar adicionais para convidado

Se você criar uma máquina virtual Linux ou Windows, após a conclusão da máquina virtual, deverá instalar as ferramentas para convidado.

Se essas ferramentas não forem instaladas, a virtualização estará comprometida em vários aspectos, primeiro a máquina anfitriã ficará muito lenta e com processamento de 100% constante, também a máquina virtual terá sua performance bem abaixo do normal e alguns recursos não funcionarão, por exemplo, não será possível usar o recursos de pastas compartilhadas onde podemos compartilhar algumas pastas do sistema anfitrião com a máquina virtual criada.

Para instalar, na maquina virtual vá até o menu Dispositivos e selecione o item “Instalar adicionais para convidado” :

Quando realizar esta operação, um CDROM virtual será inserido em sua máquina virtual, no caso de ser uma máquina Virtual Ubuntu Linux, o assistente de AutoPlay do Ubuntu aparecerá :

Escolha a opção “Abrir Pergunta de execução automática” e clique no botão [OK].

Se você perder essa pergunta, apenas procure dentro do CD VOXADDITIONS pelo arquivo VBoxLinuxAdditions.run e execute-o.

Então um assistente prosseguirá :

Prossiga com a instalação até a sua conclusão.

No final desse processo você ainda deverá incluir o seu usuario que estiver usando dentro da máquina virtual dentro do grupo vboxsf, caso contrário encontrará problemas ao usar o recurso de pastas compartilhadas dentro duma máquina virtual Linux, execute :

  sudo adduser seulogin vboxsf

Uma dificuldade que você pode encontrar é que apenas membros do grupo de administradores do Ubuntu Linux podem realizar operações usando o FUSE, compartilhar uma pasta com o sistema anfitrião requeirerá o uso do FUSE na máquina virtual, para executar essa operação dê um ALT+F2 e execute o comando :

No Gnome: gksudo gedit /etc/fuse.conf No Kde: kdesudo kate /etc/fuse.conf

No final do arquivo, adicione as linhas :

# Permite usuários comuns mapearem unidades de rede e afins user_allow_other

Salve o arquivo e finalmente reinicie sua máquina virtual.

VirtualBox 4+

Algumas coisas mudaram no VirtualBox na versão 4, nesta versão, algumas coisas que estavam embutidas no VB se tornaram packs externos que estendem suas capacidades nativas. Na realidade, a Oracle simplificou o processo de factoring por colocar um produto idêntico para todos os sistemas, mas fazer uso de packs adicionais para cada ambiente diferente (windows, linux, mac) em que for usar o VB. Nós, usuários de Linux precisaremos do pack a seguir. Por isso execute o seguinte procedimento no terminal :

  wget -vc http://download.virtualbox.org/virtualbox/4.0.2/Oracle_VM_VirtualBox_Extension_Pack-4.0.2-69518.vbox-extpack

O link acima poderá se tornar inválido, pois é esperado haver atualizações e se assim ocorrer, recomendo visitar a página Oracle - extpacks

No link acima encontrará novas atualizações.

Por fim, para instalar este pack, execute :

  sudo VBoxManage extpack install Oracle_VM_VirtualBox_Extension_Pack-4.0.2-69518.vbox-extpack

O pack que instalamos acima acrescenta funcionalidades indispensáveis ao sistema, mas se algum dia precisar remover um pack, :basta usar o nome do pack que foi informado durante a instalação e usa-lo entre aspas :

  sudo VBoxManage extpack uninstall "Oracle VM VirtualBox Extension Pack"

Se você notar bem, o nome do pack a ser desinstalado é o próprio nome do arquivo transformando ‘_’ em espaços, mas é bom anotar todos os nomes os quais instalamos.

Essa forma de distribuir packs permite que outras empresas ou organizações possam interagir com o VirtualBox. Existe até mesmo a possibilidade de se desenvolver um pack opensource que acrescente as mesmas funcionalidades com a qual a Oracle acrescenta ao seu pack proprietário.

Mais informações

Referêcia

Este artigo foi adaptado do artigo original de:



oracle_virtualbox.txt · Última modificação: 2012/09/14 02:08 (edição externa)