Canonical encerra projeto do sistema operacional Ubuntu


Ok, é uma notícia de ficção, mas um aviso também. Eu estava lendo sobre o LMDE e pensei: O que aconteceria se esta suposta notícia se tornar realidade? Podemos substituir nosso sistema Mint baseado no Ubuntu em uma base Debian? Isso é possível ou devemos reinstalar todas as preferências e programas do zero?
Quem acompanhou como eu o Linux desde os anos 95 sabe que muitas distribuições foram descontinuadas como Caldera, Mandrake, Kurumin, Red Hat (não Fedora) e, bem, isso não é bom nem para o usuário e menos ainda para a fama do sistema.

O que podemos fazer se isso acontecer?

Abraços pessoal!
·

Comentários

  • editado 26 de março
    Esta é uma preocupação já existente dos desenvolvedores do Linux Mint, no entanto que já existe a LMDE (Linux Mint Debian Edition) que a mais atual é a LMDE 3 Cindy.

    Fonte:
    https://linuxmint.com/download_lmde.php

    Abraços!

    Edit:
    Agora que reli sua colocação, percebi que comentei "mais do mesmo"...
    Mas acredito que o projeto LMDE já esteja bem consistente. Você já testou este "flavor" do Mint?
    O pouco que testei, eu particularmente, não senti muitas diferenças entre a base Debian e a base Ubuntu...
    Post edited by MiuraSeiji on
    ·
  • Também penso que o Linux Mint passaria apenas por uma transição saindo da base Ubuntu como versão mais difundida para concentrar-se totalmente no desenvolvimento do Mint com base em Debian. Podendo até ter duas versões do Mint Debian, uma baseada no Debian Stable e outra no Debian Testing.

    ·
Entre ou Registre-se para fazer um comentário.